O Lobo de Wall Street chega à Netflix

lobo_netflix.jpg27/04/2014 - "O lobo de Wall Street", filme indicado ao Oscar® de 2014, estará disponível na Netflix no Brasil e América Latina a partir de 06 de maio de 2014. Com direção de Martin Scorsese e estrelado por Leonardo di Caprio, "O lobo de Wall Street" foi lançado nos cinemas em 2013.

"O lobo de Wall Street" é a quinta colaboração entre Scorsese e Di Caprio. Baseado no livro homônimo das memórias de Jordan Belfort e com roteiro de Terence Winter, o filme narra a história de um corretor da bolsa de Nova York, Belfort (Leonardo di Caprio). Belfort vai trabalhar na corretora de Mark Hanna (Matthew McConaughey), e decide seguir à risca o conselho do chefe: aproveitar tudo que a vida de Wall Street oferece, com direito a altas doses de drogas e sexo.

O elenco conta também com Jonah Hill (Donnie Azoff), Margot Robbie (Naomi LaPaglia), Jean Dujardin (Jean Jacques Saurel), Rob Reiner (Max Belfort), Kyle Chandler (Agente Patrick Denham), Jon Bernthal (Brad), Jon Favreau (Manny Riskin) e Spike Jonze (Dwayne), entre outros.

Comentário (0) Hits: 3975

NET apresenta novos recursos e design atualizado

guia_grade.jpg25/04/2014 - Entre as principais novidades, está o portal da NET HD, em que o cliente encontra destaques de programação, tanto para os canais de TV quanto para conteúdos disponíveis no NOW. Traz ainda acesso rápido às ultimas gravações do HD MAX (gravador digital) e à busca de programação, conforme anunciado.

Outra novidade é o Guia de Programação em formato de grade, que facilita encontrar o que assistir no momento, exibindo sinopse e o pôster do conteúdo. Também possibilita filtrar os canais por gêneros, como filmes, infantis, séries, esportes e variedades, além de adicionar os canais favoritos.

guia_nt_tv.jpgO Miniguia (barra de informações que aparece ao escolher o canal para assistir) também traz um novo formato, com a logo dos canais e a possibilidade de consultar a programação disponível nas próximas 24 horas, utilizando as setas direcionais do controle remoto. Tanto no Guia como no Miniguia, é possível agendar lembrete, gravação ou buscar as reprises por meio da função Opções.

"Depois da reorganização dos canais por tema, a NET dá um novo passo para melhorar ainda mais a experiência de assistir TV, tornando-a mais fácil, prática e divertida", aponta Marcio Carvalho, Diretor de Marketing da NET. "Com essa nova interface, fica muito mais simples encontrar a programação que se deseja assistir".

Mosaico.jpgPara quem tem NET HD Max, a novidade é o agrupamento dos programas em pastas, que facilita em caso de gravações de vários episódios de um mesmo conteúdo. A interface traz também um novo visual para os canais de Música e a função de Busca, que permite encontrar programas ou artistas, tanto nos canais tradicionais como no NOW.

A nova interface está em fase final de desenvolvimento e começará a ser implantada gradativamente por grupos de cidades em maio. A atualização será automática, apenas desligando e ligando o decodificador pelo controle remoto. Automaticamente o decodificador receberá a nova versão, bastando aguardar a atualização.

"As mudanças foram orientadas em pesquisas e nos aprendizados permanentes sobre hábitos e formas de consumo da programação pelos clientes. São apresentados novos recursos e mais facilidade em acessá-los. A nova interface tem design mais próximo ao que tínhamos no NOW, deixando todas as telas de navegação com a mesma linguagem visual e com mais imagens", aponta Marcio Carvalho, Diretor de Marketing da NET.

Comentário (0) Hits: 3491

Brasileiros estão mais na web que na TV

average_3.jpgProXXIma
24/04/2014 - Consumidores brasileiros passam mais tempo na internet do que em outras mídias. É o que afirma a pesquisa do IBOPE Inteligência para a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), realizada em novembro de 2013. O estudo diz que os consumidores ficam online, em média, 3 horas e 39 minutos nos dias de semana, enquanto nos finais de semana, o tempo conectado da população é de 3 horas e 43 minutos.


average_1.jpgEm segundo lugar, a TV apresenta pouca diferença em relação à internet. De segunda à sexta, os brasileiros costumam deixar o aparelho ligado durante cerca de 3 horas e 29 minutos. No sábado e domingo, são aproximadamente 3 horas e 32 minutos.

O eMarketer afirma que a penetração da internet ainda é baixa no Brasil, se comparada com países desenvolvidos. O instituto de pesquisa estima que 49,3% da população brasileira se conectou no ano passado – índice que posiciona o País na 18ª colocação na lista dos 22 países que disponibilizam dados sobre usuários de internet. A SECOM e o IBOPE chegaram a uma constatação parecida: entre outubro e novembro de 2013, mais da metade (53%) dos consumidores nacionais respondeu que não utiliza a internet.

average_2.jpgEm termos de frequência de uso, a TV ainda é utilizada diariamente por 65% dos participantes da pesquisa. Em comparação, somente 26% dos consumidores disseram acessar a internet todos os dias.

Ainda este ano, o eMarketer prevê que a internet será a mídia mais utilizada pelos brasileiros, atingindo 53,1%. A penetração, segundo eles, será de 60% até 2017.

http://www.proxxima.com.br/home/negocios/2014/04/24/Pesquisa-brasileiros-passam-mais-tempo-na-internet-do-que-na-TV.html

Comentário (0) Hits: 2535

Projeto propõe novo sistema para TV digital interativa

tvdigital2.jpegPor Hérika Dias, Agência USP
14/04/2014 – Hoje, (14), o Centro Interdisciplinar de Tecnologias Interativas (CITI) da USP lança no Brasil o Global ITV – Aplicações e serviços de TV híbridos de transmissão e de banda larga. Um projeto que reúne pesquisadores e instituições brasileiras e europeias para desenvolver um sistema compatível de transmissão e recepção digital de áudio e vídeo de TV, mais plataformas de interatividade, para os diferentes sistemas de televisão digital públicos que existem hoje no mundo, como o brasileiro, japonês, europeu e americano.

Atualmente, esses sistemas não tem interoperalidade, ou seja, não se comunicam entre si e por isso a produção audiovisual dos radiodifusores tem alcance limitado. "Hoje, você não pode comprar uma TV nos Estados Unidos e trazer ao Brasil para assistir a programação da TV digital aberta, ela não vai funcionar pois os sistemas (linguagem, navegador) são diferentes. Essa falta de interoperabilidade impede o acesso aos grandes mercados de conteúdo. Para exportar um conteúdo audiovisual brasileiro linear e interativo, você precisa fazer um retrabalho para se adequar ao contexto tecnológico regional", explica Marcelo Knörich Zuffo, professor da Escola Politécnica (Poli) da USP e um dos coordenadores brasileiros do Global ITV.

marcelo_knorich_zuffo.jpgZuffo destaca que a televisão tem a mesma característica da internet, são fragmentos de tecnologia, mas a diferença é que internet é interoperável e a TV não. Isso significa que a pessoa pode acessar pela internet o mesmo conteúdo em qualquer país, em qualquer aparelho ou meio tecnológico, o que contribui para o avanço da internet em detrimento ao conteúdo televisivo. "Isso é um problema mundial, por isso o Global ITV não se restringe aos mercados brasileiros e europeus que participam do projeto. Acreditamos que ele terá impacto global".

Global ITV

A proposta do projeto é desenvolver uma tecnologia capar de tornar a televisão tão globalizada quanto a internet. "A nossa contribuição técnica é conceber um navegador, browser, capaz de harmonizar todas essas tecnologias de diferentes sistemas de televisão digital, permitindo que qualquer conteúdo brasileiro desenvolvido aqui seja comercializado em escala global e vice-versa", afirma o professor da Poli.

Esse browser também trará resultados na rapidez da navegação do conteúdo interativo na televisão. De acordo com Zuffo, "hoje, há um sistema operacional para a TV e outro sistema para a TV conectada. Essas estruturas não estão harmonizadas, quando você muda de canal, é como se você estivesse reiniciando tudo. Vamos fazer a unificação dos sistemas, como se a televisão tivesse um computador interno".

Além da questão técnica da interoperabilidade, o Global ITV tem mais cinco frentes de trabalho: a coordenação do projeto, levantamento de cenário (situação da TV na Europa e no Brasil, uso de segunda tela e meios de utilização da nova ferramente), deselvolvimento dos aplicativos que serão executados na plataforma, modelos de negócios, grupos de normatizações e disseminação do projeto.

A finalização do projeto está prevista para janeiro de 2015 e conta com um orçamento de três milhões de reais do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e um milhão e meio de euros da União Europeia.
Parceria
O Global ITV foi um dos projetos contemplados na Chamada MCTI/CNPq nº 13/2012 – Programa de Cooperação Brasil – União Européia do CNPq, direcionado para a área de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC). Ele está atrelado a outras três linhas temáticas "Computação em nuvem para a ciência", "Tecnologias sustentáveis para uma sociedade mais inteligente" e "Serviços e aplicações inteligentes para uma sociedade mais inteligente".

Coordenado pelo CITI da USP, o projeto conta com 16 parceiros europeus e brasileiros: Institut fuer Rundfunktechnik GmbH, IRT (Alemanha); Aqua-Consult Ingenieros, S.L. – A-CING (Espanha); Fraunhofer-Gesellschaft zur Förderung der angewandten Forschung e.V. – FRAUNHOFER (Alemanha); TDF – TDF (França); Retevisión – AbertisTelecom – RETEVISION (Espanha); Symelar Innovación SLU – SYMELAR (Espanha); European; Broadcasting Union – EBU (Suíça); World Wide Web Consortium at GEIE ERCIM- W3C (França); Universidade Católica de Brasília – UCB; Universidade Federal do Pará – UFPA; Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" – UNESP; Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico – LSI-TEC; Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP; Universidade Federal do ABC – UFABC; Rede Bandeirantes de Televisão – BAND TV; HXD Interactive Television – HXD.
Lançamento
O projeto será lançado dia 14 de abril, às 17h30, no Auditório Professor Romeu Landi, na Escola Politécnica da USP, localizado na Av. Prof. Luciano Gualberto, travessa 3, nº 380, Cidade Universitária, São Paulo. O evento é aberto a qualquer pessoa interessada e não há necessidade de inscrição. Quem quiser acompanhar pela internet, haverá transmissão ao vivo no site do IPTV

Legenda: Global ITV não se restringe aos mercados brasileiros e europeus: impacto global
Foto: Marcos Santos / USP Imagens

http://www5.usp.br/42513/centro-da-usp-lanca-brasil-global-itv-para-padronizar-tv-digital/

Comentário (0) Hits: 3162

Qual é a conexão entre tecnologia e ciência?

TED_cineasta_2.jpg10/04/2014 - Com esta pergunta, o cineasta Louie Schwartzberg começa a  apresentação deste incrível vídeo TED, "Milagres escondidos da natureza", com duração de apenas 7 minutos. Vale a pena assistir.

Vivemos em um mundo de beleza invisível, tão sutil e delicado que é imperceptível ao olho humano. Para trazer este mundo invisível à luz, o cineasta Louie Schwartzberg dobra os limites de tempo e espaço, com câmeras de alta velocidade, lapsos de tempo e microscópios. No TED 2014, ele compartilha os destaques de seu mais recente projeto, um filme 3D intitulado "Mistérios do Mundo Invisível", que desacelera, acelera e amplia as maravilhas surpreendentes da natureza.

TED_cineasta3a.jpgLouie Schwartzberg é cineasta, diretor e produtor, que captura imagens (de tirar o fôlego) que celebram a vida - conexões reveladoras, ritmos universais, padrões e milagres. Milagres escondidos na natureza.

Comentário (0) Hits: 905

TIM lança recarga de créditos pelo Facebook

tim_recarga.jpgCanatletch
09/04/2014 - O Facebook se tornou o mais novo método de recarregamento com créditos para celulares da operadora TIM. Com o recurso Recarga Express, a empresa permite que os usuários comprem valores para os telefones da companhia. A cobrança acontece no cartão de crédito e mesmo clientes de outras operadoras podem utilizar o serviço ao presentear algum cliente da TIM.

A novidade funciona de maneira integrada ao site da empresa. Na primeira vez que o recurso for utilizado, é necessário um cadastro online com dados pessoais e o número do celular. Na sequência, é preciso escolher uma das opções: comprar créditos para si, presentear um amigo ou, então, realizar um pedido de créditos para um contato do Facebook.

Ao anunciar o serviço, a TIM afirmou que a novidade traz mais comodidade e é totalmente segura, além de atender a uma necessidade dos clientes. Como eles passam um bom tempo no Facebook, nada melhor do que unir mais essa opção a outras possibilidades de recarga que já existem, como o serviço de atendimento pelo telefone ou o aplicativo para smartphones que também realiza a cobrança automaticamente.

http://canaltech.com.br/noticia/tim/TIM-permite-recarga-de-creditos-pelo-Facebook/

Comentário (0) Hits: 1180

newsletter buton