CPqD cria padrão LTE em 450 MHz

ITE_010C.jpg17/07/2013 - Uma nova tecnologia desenvolvida pelo CPqD para a comunicação móvel de alta velocidade, conhecida por LTE (sigla do inglês Long Term Evolution) na faixa de 450 MHz acaba de ser padronizada mundialmente pelo 3GPP (3rd Generation Partnership Project), organismo responsável pela padronização de sistemas de comunicação móvel celular no mundo. A aprovação do novo padrão, ocorrida em junho, é uma conquista importante para o Brasil – e também para o CPqD, que, desde 2011, vem trabalhando no desenvolvimento dessa tecnologia.

"A padronização do LTE na faixa de 450 MHz é um marco para as telecomunicações do país, pois abre caminho para o atendimento das áreas rurais e suburbanas com serviços de banda larga baseados na mais avançada tecnologia móvel de quarta geração", afirma Hélio Graciosa, presidente do CPqD. "Isso certamente contribuirá para o desenvolvimento econômico e social dessas regiões do país – e, no futuro, de vários outros países com necessidades semelhantes", acrescenta.

A solução do CPqD vem sendo desenvolvida dentro do projeto LTE 450 MHz, que conta com o apoio do FUNTTEL (Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações), do Ministério das Comunicações, e da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos). Nesse contexto, o CPqD, com o apoio do Ministério das Comunicações, tem participado ativamente do processo de padronização global dessa tecnologia no 3GPP - que também serve de base para o desenvolvimento da solução.

"Trata-se de uma iniciativa pioneira, que coloca o Brasil, definitivamente, na vanguarda tecnológica na área de comunicações sem fio", enfatiza Graciosa. Para a indústria nacional, a padronização representa um passo fundamental para o seu posicionamento nesse segmento do mercado.

A tecnologia LTE em 450 MHz apresenta várias vantagens em relação aos atuais sistemas de terceira geração. Entre elas, destacam-se a maior cobertura, as taxas de transmissão mais altas, menor latência, melhor performance e a arquitetura totalmente IP.

A solução que o CPqD vem desenvolvendo é composta de diversos produtos – como antenas, dispositivos de radiofrequência, estação-base compacta, terminais LTE com interface para redes Wi-Fi e sistema de gerenciamento de rede. Esses produtos terão suas tecnologias licenciadas para a WxBR, empresa brasileira que será responsável por sua industrialização e comercialização no mercado global.

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton