É preciso investir em redes e no ecossistema

bcg_marcos_aguiar.jpgPor Thais Sogayar
26/05/2019 - Para cada R$ 1 investido pelo governo na construção da banda larga, o retorno em forma de arrecadação é de R$ 3,50, revela estudo da BCG. “Isso é uma oportunidade de negócio”, observa o sênior leader da consultoria, Marcos Aguiar durante o Painel Telebrasil 2019.

Benefícios tangíveis nos tornaram dependentes da internet, pois ela conecta 4 bilhões de pessoas no mundo. E os dados são assustadores quando se descobre através de pesquisas, que para manter a internet, 8/12% deixariam de tomar banho para fazer sexo. Além disso, as PMEs que usam banda larga crescem 36% a mais comparadas as que não utilizam.

As cidades inteligentes, IoT (Internet das Coisas), carros conectados, comércio eletrônico e aplicativos móveis, fundamentais para acelerar o desenvolvimento e a inovação no Brasil, dependem da massificação da banda larga, do 5G e, consequentemente, da fibra óptica. Sem a ampliação da infraestrutura, o País ficará rapidamente para trás em relação a outras economias globais.

Marcos Aguiar falou da importância de se investir, tanto nas redes quanto no ecossistema, para mitigar o atraso atual e evitar um distanciamento ainda maior dos mercados concorrentes. Atualmente, segundo dados da instituição, o Brasil é o 81º no ranking de países com maior nível de conectividade massiva e de qualidade. De acordo com Aguiar, hoje, o tráfego por usuário ao ano na China é 1x maior do que o registrado entre os brasileiros. Nos EUA, a diferença é de 5x. Se os investimentos forem mantidos nos níveis atuais, a diferença saltará para 2,5x e 8x, respectivamente, até 2022.

De acordo com dados do BCG, a indústria brasileira de telecomunicações tem receita anual de R$ 197 bilhões, mas a geração de caixa é muito baixa. "O maior agente capturador do valor (R$ 73 bilhões, ou 37%) é o governo, enquanto os investidores capturam apenas 6%", contabilizou. O restante vai para infraestrutura, sistema financeiro etc. "Isso representa um desafio importante de sustentabilidade", afirmou.

"O governo precisa entender que os investimentos trarão retornos significativos para o País e para o próprio governo. Isso se converterá em maior arrecadação: para cada real investido em infraestrutura, o governo ganha R$ 3,50 em arrecadação", completou o executivo.

Previsões

- O mundo se conectará numa escala sem precedentes: serão 8 bilhões de pessoas conectadas no mundo

- Teremos 75 bilhões de dispositivos de IoTs conectados à rede coletando dados, sendo 50% das buscas serão por voz

- Os 45 bilhões de Terabytes gerados por ano, serão mais do que foram acumulados até o momento (maio de 2019)

- Em 2025 serão gerados mais dados do que foi gerado até 2019

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton