Videogames são alvo de cibercriminosos

games_virus.jpg20/07/2015 - A diversão dos videogames pode estar ameaçada por malwares desenvolvidos por cibercriminosos – isso é o que alerta a Trend Micro, especializada na defesa de ameaças digitais e segurança na era da nuvem. Os hackers estão se especializando em programas que modificam parâmetros do jogo a fim de ganhar vantagem competitiva de maneira injusta. Conhecidos como 'mods', essas modificações permitem - por exemplo – que em jogos de tiro seja possível atirar com a maior precisão possível ou que o jogador tenha vida ilimitada.

Um dos fatores preocupantes é que esse mecanismo estimule os jogadores,
 - especialmente os mais jovens - a desenvolver valores desonestos e de demonstração de superioridade, fazendo com que o espírito de competição e cooperação com demais jogadores seja minado.

Mas não é só por esse lado que os mods são malvistos. A segurança de quem os usa é seriamente ameaçada por malwares como o keylogger, comprovadamente identificado no jogo do PC Grand Theft Auto V. O keylogger registra todas as teclagens feitas no sistema em que se encontra e envia estes registros para o seu operador. Por isso, são grandes as chances de que os detalhes de login de contas on-line das vítimas tornando-as presas fáceis para um cibercriminoso.

No entanto, uma das ´iscas´ mais eficazes não necessariamente envolve um mod infectado. Os cibercriminosos são bem conhecidos por adulterar as pesquisas populares no mecanismo de busca com resultados colocados no topo da página e que redirecionam os usuários não só para páginas de phishing, mas também para golpes de pesquisa (survey scams) e downloads de "ferramentas" que supostamente podem modificar o jogo, mas que podem igualmente instalar um malware para modificar o sistema ou dispositivo da vítima.

É interessante notar, no entanto, que existem também as comunidades saudáveis de mods. Elas adicionam mais conteúdo ao videogame e podem até mesmo alterar de maneira positiva a forma como são jogados. Uma série dessas modificações criadas por fãs viraram jogos completamente diferentes e se tornaram ainda mais populares do que o original em clássicos como Counter-strike,

Defense of the Ancients e DayZ. Alguns foram até mesmo comprados e licenciados, enquanto outros tornaram-se eventos de destaque em uma série de torneios internacionais, como o World Cyber Games.

A lição que fica é que baixados com o intuito de estimular a diversão de forma honesta, os mods garantem a diversão do usuário. Orientações como verificar os comentários da comunidade (normalmente existe um fórum em que os jogadores podem ler ou enviar análises e feedbacks com relação aos outros usuários) ou analisar os mods antes de instalá-los pode garantir a segurança online.

 

 

Comentário (0) Hits: 560

Claro lança app de conteúdo de áudio e vídeo exclusivo

15/07/2015 - Os clientes da Claro têm agora uma nova opção de aplicativo para se atualizarem com conteúdos de áudio e vídeo exclusivos em alta definição. O Claro curtas, oferece vídeos de notícias, humor, música, infantil, entre outros temas, a fim de garantir ao usuário informação e entretenimento em seu celular.

Para assinar o serviço, disponível para Android, basta acessar http://clarocurtas.com.br do navegador ou baixar o aplicativo pela Google Play na loja da Claro Brasil. Há opções de contratação diária, semanal e mensal, ao custo de R$0,50, R$2,99 e R$9,99 respectivamente.

 

Comentário (0) Hits: 508

Firefox oferece maior controle para a vida online

mozzila.jpg08/06/2015 - A Mozilla anuncia uma nova função para o Firefox Hello e integração com o Pocket – serviço "assistir mais tarde", que começou como um add-on popular do Firefox e agora foi integrado como um serviço nativo do Firefox Account. Este recurso permite que os usuários salvem artigos, vídeos e sites em um só lugar para serem visualizados depois. O Pocket está disponível em inglês americano, alemão, japonês, russo e espanhol (Espanha) – outros idiomas serão disponibilizados futuramente.
 


Desenvolvido com a Telefônica, o Firefox Hello ganhou um recurso de compartilhamento de tela. A nova funcionalidade permite que o usuário compartilhe uma aba do navegador ou a interface de um aplicativo com o convidado durante a conversa. É possível compartilhar qualquer site ou programa, sendo uma ótima maneira para fazer trabalhos em conjunto ou assistir a um vídeo com um amigo, familiar ou colega de trabalho.

O Firefox foi criado com o objetivo de dar às pessoas escolha e controle sobre sua experiência web e ele sempre está apresentando novas maneiras de personalizar o navegador – que é suportado por uma organização sem fins lucrativos e desenvolvido por uma comunidade global dedicada à missão da Mozilla de promover abertura, inovação e oportunidades na web.
 
Uma maneira de ter escolha e controle é por meio do Firefox Account, que proporciona uma experiência web personalizada conectando os usuários a serviços como Firefox Sync e Firefox Hello.

O Firefox Sync permite acessar dados como senhas, favoritos, histórico de navegação e abas abertas de qualquer computador ou dispositivos Android, bem como pelo Firefox para iOS (que será lançado até o fim do ano). Já o Firefox Account é uma ótima alternativa para salvar seus contatos no Firefox Hello. 

Firefox Developer Edition ganha ferramenta de performance
 
A Mozilla também está disponibilizando uma atualização para o Firefox Developer Edition, único navegador criado para desenvolvedores. A atualização conta com novas ferramentas de desempenho para tornar mais fácil e rápida a construção de websites interativos e apps web.

 

Comentário (0) Hits: 534

Agora é oficial: Windows 10 chega dia 29 de julho

01/06/2015 - A Microsoft anunciou que o Windows 10 estará disponível a partir de 29 de julho em 190 mercados em todo o mundo, como uma atualização gratuita para clientes que já possuem o Windows 7 e Windows 8.1.

Construído com a ajuda de mais de quatro milhões de pessoas ao redor do mundo, o Windows 10 marca o início de uma nova era de tecnologia pessoal, projetado para capacitar as pessoas a fazer grandes coisas.

De acordo com a Microsoft, os consumidores terão um ano a partir 29 de julho para aproveitar o upgrade gratuito. Uma vez que um dispositivo Windows for atualizado para o Windows 10, a Microsoft continuará a mantê-lo atualizado durante a vida útil do dispositivo - sem nenhum custo. Aqueles que queiram estar entre os primeiros na fila para a atualização gratuita do Windows 10 poderão reservar uma cópia gratuita nas próximas semanas.

A Microsoft avisa que a atualização gratuita para o Windows 10 poderá ser feita por meio de um processo de reserva. Procure pelo ícone na sua bandeja de sistema, na parte inferior de sua tela, simplesmente clique no ícone e, então, complete o processo de reserva. Você pode encontrar mais detalhes aqui

 

 

 

Comentário (1) Hits: 756

Perdeu uma cópia de segurança com seus dados?

copia_kasper.jpg25/05/2015 - Um estudo da Kaspersky Lab em conjunto com a B2B International concluiu que aproximadamente um quarto dos usuários (24%) que mantinha cópias de segurança dos seus dados em dispositivos físicos perdeu tais informações. No mundo moderno, em que a informação tem valor crescente, é importante não apenas criar cópias dos arquivos, mas fazê-lo de forma correta.

O estudo releva que, embora a vasta maioria (92%) dos entrevistados mantenha informações confidenciais — como correspondência privada, fotos, senhas ou dados financeiros — em seus dispositivos, menos de um terço opta por fazer cópias de segurança para prevenir eventuais perdas. Além disso, 29% dos usuários não toma qualquer medida de segurança deste gênero e 11% admitiram que não pretendem fazê-lo no futuro.

O estudo revela ainda que mesmo quem faz cópias de segurança não tem a garantia de não perder os arquivos. Os dispositivos de armazenamento físico, tais como discos externos ou memórias flash, continuam sendo os mais populares: 87% dos entrevistados mantiveram as suas cópias guardadas neste tipo de dispositivo, enquanto apenas 12% usaram serviços na nuvem. Contudo, dentre os que preferem os métodos físicos de armazenamento, 24% já sofreram alguma perda irreversível de informação, como resultado do extravio, avaria ou roubo do dispositivo.

"Optar por fazer backups de forma sistemática, permite tomar conta dos dados de maneira eficaz. Decida quais informações são mais valiosas para você e crie cópias de segurança regularmente. A melhor maneira é manter a informação importante em pastas criptografadas, guardadas tanto em suportes físicos como na nuvem. Isto irá proteger os seus dados mesmo se acontecer algo de extraordinário que leve à destruição de um dos mecanismos de armazenamento dos seus dados", afirma Elena Kharchenko, Responsável pela Gestão de Produtos para Consumidores da Kaspersky Lab.

Com a versão para Windows do Kaspersky Total Security multidispositivos, o usuário pode fazer cópias de segurança protegidas de forma rápida, fácil e automática. As cópias podem ser guardadas na memória do computador, bem como em um dispositivo externo (drive de rede, disco óptico, cartão de memória, entre outros) ou na nuvem. A tecnologia de criptografia pode ser usada para proteger os dados que caírem em mãos alheias, pois protege arquivos e pastas com senha conhecida apenas pelo proprietário.

Comentário (0) Hits: 540

Apps do Minecraft propagam golpe para Android

minecraft.jpg22/05/2015 - Os pesquisadores do Laboratório da ESET – fornecedora de soluções de segurança da informação – descobriram mais de 30 aplicativos falsos de Minecraft disponíveis para download na Google Play. Até o momento, mais de 600 mil usuários de Android já baixaram esses apps, utilizados para distribuir scarewares (softwares mal intencionados, cujo objetivo é direcionar o usuário para um site malicioso).

Após ser notificado sobre o problema por especialistas da ESET, o Google comunicou que removeu o conteúdo nocivo de sua loja de aplicativos, mas o que chama a atenção é a velocidade de disseminação da ameaça. "Nos últimos nove meses, cerca de 3 milhões de usuários da Google Play baixaram os aplicativos falsos", aponta Camillo Di Jorge, Country Manager da ESET. "O que mostra a vulnerabilidade dos dispositivos móveis e a importância de utilizar soluções de proteção específicas para esse tipo de equipamento e mantê-las sempre atualizadas", complementa.

O scareware foi identificado como Android/FakeApp.AL e, quando baixado, todos os falsos apps se comportaram de forma semelhante: modificam o nome do ícone do aplicativo e, ao clicar no jogo, a tela inteira fica coberta com banners de anúncios, sem que os usuários consigam fechá-la.


Comentário (0) Hits: 546

newsletter buton