Sabe como criar um aplicativo de sucesso?

apple_ny.jpg*Por Douglas Barbosa
28/11/2016 - Com a utilização cada vez mais frequente de tablets e smartphones, o uso de aplicativos mobile já faz parte do dia a dia das pessoas, facilitando diversas tarefas. Atualmente, os apps já são tão, ou até mais necessários, que os sites. Muitas vezes, uma pessoa acaba procurando o aplicativo de um determinado serviço antes mesmo de procurar na web.

Diante desse crescimento, muitas empresas estão aderindo a essa nova tendência, trazendo mais comodidade aos seus clientes. Mas, a principal dúvida é: como lançar um aplicativo que tenha aderência com o público? Afinal, é importantíssimo garantir um número mínimo de retenção de usuários.

Antes de mais nada, é muito importante fazer um planejamento minucioso em relação ao público alvo da ferramenta e os contextos dos quais ele será usado. Por exemplo, não adianta fazer primeiro um aplicativo no sistema iOS se a maioria do público alvo possui Android, e vice-versa. Outro erro é colocar funcionalidades que o público daquele aplicativo não vai usar, ou usar muito pouco. Essa falta de planejamento pode consumir tempo e recursos do projeto em pontos que talvez não devessem ser abordados, pelo menos não inicialmente.

Outro ponto que deve ser observado com atenção é o layout. Um bom app deve ser intuitivo e responsivo, respeitando sempre o "look and feel" de sua plataforma. Preservar o estilo de cada plataforma contribui bastante para a aceitação do usuário, já que o público que vai instalar o aplicativo, provavelmente já conhece a sua marca e se identifica com ela.

A fluidez na navegação é imprescindível para que o usuário não desista de utilizar o aplicativo porque ele é lento ou trava demais. Além disso, vale pensar como utilizar de forma inteligente as informações de contexto que cada aparelho possui, como localização e câmera, por exemplo. Muitas vezes, as pessoas desinstalam determinados aplicativos pois gastam muita bateria utilizando o GPS, mesmo não sendo necessário.

Para finalizar, ter em mente essas dicas já é um grande passo para garantir que o seu app não seja mais um dentre vários em um smartphone ou que ele seja desinstalado nas primeiras semanas de uso. Afinal, as pessoas estão sempre em busca de algo que traga mais praticidade para seu dia a dia. Pense nisso!

* Douglas Barbosa é desenvolvedor mobile na HE:labs.

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton