Copa do Mundo em 140 caracteres e seis idiomas

twiter.jpg06/06/2014 - Levantamento global de posts no Twitter mostra o que internautas estão postando em relação ao campeonato e outros temas relacionados ao evento, que começará em 12 de junho
A Almawave, braço tecnológico do grupo italiano AlmavivA, vai produzir diariamente, até o dia 13 de julho, levantamento global com os temas mais comentados no Twitter sobre o Mundial em seis idiomas (português, inglês, espanhol, italiano, francês e alemão). Os primeiros resultados, gerados a partir da análise de 4,2 milhões de tweets entre os dias 29 de maio e 03 de junho, revelam curiosidades sobre os assuntos mais tuitados pelos internautas em relação ao evento esportivo e ao Brasil.

No período analisado, as equipes mais comentadas foram Espanha, México, Colômbia e Brasil, respectivamente. Entre os jogadores globais mencionados, o brasileiro Neymar aparece em quarto lugar, atrás de Luis Montes (México), Daniel Carvajal (Espanha), Radamel Falcão (Colômbia). Mas, é o primeiro na lista dos mais citados entre os jogadores brasileiros. Já Luiz Felipe Scolari não aparece entre os dez técnicos mais mencionados pelos internautas.


copa_twitter.jpgEntre os assuntos relacionados ao evento, segurança aparece em primeiro lugar no que diz respeito à organização. Em relação a chefe de estado, Dilma Rousseff fica em segundo lugar, atrás do rei Juan Carlos I (Espanha). Diego Maradona é a primeira personalidade esportiva citada, seguida de Zico. Na gastronomia, os doces sorvete e beijinho lideram os comentários.


"Essa pesquisa é muito interessante, pois já nos mostrou e ainda apresentará muitas curiosidades, inclusive que os internautas brasileiros e estrangeiros também estão acompanhando e discutindo assuntos de diferentes aspectos, como organização e temas sociais", explica Giulio Salomone, vice-presidente do conselho de administração da Almawave do Brasil.


Entenda o estudo


Dos 4,2 milhões de tweets analisados, 78,1% das publicações, que corresponde a 3,2 milhões de posts, mencionaram o campeonato. Desse percentual, os temas mais comentados foram mídia e personalidades (44% - 1,4 milhões de tweets), organização do evento (26,7% - 854,4 mil posts), economia (12,4% - 396,8 mil tweets), turismo (8,5% - 272 mil posts) e temas sociais (8,4% - 268,8 mil tweets).


Além do estudo referente aos temas mais citados em relação à Copa do Mundo, o levantamento ainda desenvolveu um ranking com os dez jogadores, treinadores e seleções participantes mais discutidos nos tweets.

A solução IrideAware, desenvolvida especialmente pela empresa para este tipo de pesquisa e análise, trabalha em três etapas para apurar as informações e concluir a avaliação. O primeiro passo é monitorar e extrair, 24 horas por dia, os dados da rede social com base em termos e palavras-chave. Na sequência, a tecnologia organiza, armazena e exporta o conteúdo. E, por fim, a ferramenta analisa todas as informações e automaticamente gera um relatório com as estatísticas referentes aos temas mais comentados no mundo inteiro.

No ano passado, a Almawave realizou uma pesquisa nos mesmos padrões para saber o que era dito sobre a Itália. A partir do termo #italianelmondo, o estudo construiu uma imagem da Itália por meio da análise com 7,8 milhões de tweets em todo o mundo. Os temas favoritos de discussão estavam relacionados ao esporte (40%), turismo (15 %), política (8%), eventos (6%), economia (6%) e problemas sociais (5%). A conclusão dessa pesquisa foi apresentada durante o EMC Fórum 2013, evento internacional do setor de TI.

Comentário (0) Hits: 1062

Skype lança calls de vídeo em grupo de graça

skypeok.jpgIDGNow
02/05/2014 - Recurso permite realização de conferências em vídeo com até 10 pessoas. Antes, era preciso assinar pacote Premium de US$9 para usar serviço.

A Microsoft finalmente liberou de forma gratuita o recurso de videochamada em grupo no Skype, que permite conferência com até 10 participantes. A novidade foi anunciada no blog oficial da companhia.
Anteriormente, a ferramenta só estava disponível para os assinantes do serviço Skype Premium, que custa 9 dólares por mês e incluía outros recursos como ligações gratuitas.

Pedido antigo dos usuários do serviço de VoIP, a ação da empresa vai beneficiar usuários de diversas plataformas, como Windows, Mac e Xbox One.

"No futuro, vamos habilitar a videochamada em grupo para todos os nossos usuários em mais plataformas", afirmou o executivo do Skype, Phillip Snalune.

http://idgnow.com.br/internet/2014/04/28/skype-libera-videochamada-em-grupo-de-graca-para-todos-os-usuarios/

 

 

Comentário (0) Hits: 1352

Google: nós também temos robôs

robos_google.jpgAndy Rubin
04/12/2013 - Esta semana a Amazon gerou um enorme burburinho, quando Jeff Bezos disse a Charlie Rose, numa entrevista ao programa "60 Minutes" da CBS, que a empresa está desenvolvendo drones para a entrega de seus pacotes. A revelação do CES da Google provocou intensos debates sobre a sanidade, praticidade e legalidade de robôs, deixando encomendas à sua porta.


Em um post no blog do Google+ na noite passada, Larry Page, CEO do Google, disse a Andy Rubin (principal desenvolvedor do sistema operacional dos smartphones Android), que a empresa tem um novo projeto. Page não forneceu detalhes, mas fez referência a um artigo do New York Times, sobre o trabalho de Rubin, e revelou que o Google adquiriu sete empresas de robótica durante o último semestre.

Crédito da foto: Jim Wilson/The New York Times
Andy Rubin é engenheiro Google

Comentário (0) Hits: 1915

Amazon está testando entrega com drones

drones.jpgReuters
02/12/2013 - A Amazon.com está testando pacotes de entrega usando drones, disse neste domingo o presidente-executivo, Jeff Bezos, no programa de televisão "60 Minutes" da CBS.


Bezos disse que os drones, veículos aéreos não-tripulados, podem entregar pacotes com peso de até 5 libras (2,3 kg). Isso representa cerca de 86 por cento dos pacotes que a Amazon entrega, segundo informou Bezos no domingo.

Os drones, que coletariam itens nos centros de distribuição da Amazon e os levariam voando às casas dos consumidores, provavelmente não serão colocados em uso ainda por quatro ou cinco anos, acrescentou.

Por Olivia Oran, Reuters

Comentário (0) Hits: 1787

Google poderá usar seu perfil em anúncios

google.jpgBruno Capelas, do Estadão
14/10/2013 - Se você usa algum dos produtos do Google, atenção: seu nome pode ajudar a vender produtos e serviços a partir do próximo mês. Tudo graças a uma alteração nos Termos de Serviço da empresa, que aconteceu na última sexta-feira, 11.

Com a mudança, perfis de usuários (incluindo nome e foto) podem aparecer como parte de anúncios de produtos, no que a empresa está chamando de "recomendações compartilhadas". Por enquanto, é possível optar por não deixar que seus comentários e recomendações sejam usados pela empresa, que excluiu menores de 18 anos da novidade.

Os anúncios devem começar a ser exibidos no dia 11 de novembro, de maneira que ainda há algum tempo para que o Google explique melhor como as coisas vão funcionar. Veja abaixo os termos da atualização de serviço do Google:

Atualização dos Termos de Serviço

Estamos atualizando os Termos de Serviço do Google. Os novos Termos entrarão em vigor em 11 de novembro de 2013. Leia-os aqui.
Como muitos usuários são alérgicos ao juridiquês, recomendamos que vejam aqui um resumo em português claro, para fins de praticidade.

Fizemos três mudanças:

• Primeira: um esclarecimento sobre como o nome e a foto do Perfil do usuário podem aparecer nos produtos da Google (incluindo em comentários, publicidade e outros contextos comerciais)
◦ Você pode controlar se sua imagem e nome aparecem em anúncios via Configuração de Recomendações Compartilhadas.

• Segunda: um lembrete para o usuário utilizar dispositivos móveis de forma segura.

• Terceira: informações sobre a importância de manter a senha confidencial.
Veja mais alguns detalhes:
Como o nome e a foto do Perfil do usuário podem aparecer (incluindo em comentários e publicidade)

Queremos oferecer ao usuário, bem como a seus amigos e conexões, as informações mais úteis. Recomendações de pessoas que o usuário conheça podem realmente ser úteis. Portanto, amigos, familiares e outras pessoas podem ver o nome e a foto do Perfil do usuário, além de conteúdo como comentários que ele compartilha ou anúncios que ele marca com +1. Isso acontece somente quando o usuário realiza uma ação (por exemplo, marcar com +1, comentar ou seguir). As únicas pessoas que veem essas ações são aquelas com quem o usuário optou por compartilhar conteúdo. Na Google, o usuário controla o que quer compartilhar. Esta atualização dos nossos Termos de Serviço não altera, de forma alguma, as pessoas com quem o usuário compartilhou coisas no passado ou sua capacidade de controlar com quem deseja compartilhar coisas no futuro.

Com o feedback de pessoas que o usuário conhece, ele pode economizar tempo e melhorar os resultados para si e para seus amigos em todos os serviços da Google, incluindo Pesquisa do Google, Google Maps, Google Play e publicidade. Por exemplo, os amigos do usuário podem ver que, na página de uma banda no Google Play, ele avaliou um álbum com 4 estrelas. E o +1 com que o usuário marcou sua padaria local favorita pode ser incluído em um anúncio que a padaria veicula usando os serviços da Google. Chamamos essas recomendações de recomendações compartilhadas, e o usuário pode saber mais sobre elas aqui.

Quando se trata de recomendações compartilhadas em anúncios, o usuário pode controlar o uso do seu nome e foto do Perfil por meio da configuração "Recomendações compartilhadas". Se o usuário desativar essa configuração, seu nome e foto do Perfil não serão mostrados naquele anúncio da sua padaria favorita ou em qualquer outro anúncio. Essa configuração aplica-se somente a anúncios e não altera se o nome ou a foto do Perfil do usuário podem ser usados em outros lugares, como o Google Play.

Se o usuário previamente informou à Google que não deseja que seus +1s apareçam em anúncios, é claro que continuaremos respeitando essa opção como parte desta configuração atualizada. As ações de usuários com menos de 18 anos não serão exibidas nas recomendações compartilhadas em anúncios e em certos contextos.

Para controlar melhor sua experiência com anúncios nos sites da Google, o usuário também pode usar a ferramenta Configurações de anúncios da Google para gerenciar os anúncios exibidos.

O usuário deve utilizar dispositivos móveis de forma segura

É apenas uma questão de bom senso. O usuário não deve utilizar nossos serviços se estiver fazendo algo que exija toda a atenção dele, como dirigir, e em casos nos quais nossos serviços possam distraí-lo. Evidentemente, o usuário sempre deve obedecer às leis de trânsito.

O usuário deve ter cuidado com sua senha

Nossa maior prioridade é manter as informações do usuário seguras. O nome de usuário e a senha para os produtos e serviços da Google permitem que o usuário acesse muitas coisas úteis: mensagens do Gmail, fotos do Google+, vídeos do YouTube, lista dos Contatos do Google e muito mais.

Qualquer pessoa para quem o usuário fornecer seus dados de login poderá usar essas informações para acessar a Conta do Google e tudo o que o usuário armazena nos sites da Google. Então, se alguém solicitar a senha do usuário, ele deve pensar duas vezes e considerar que pode haver maneiras mais seguras de compartilhar as informações.

Se detectarmos algo incomum (por exemplo, tentativas com falha de fazer login na conta do usuário ou dois logins na conta dentro de um período muito curto, mas provenientes de computadores localizados muito longe um do outro), o usuário receberá um alerta de atividade incomum.
Recomendamos que o usuário conheça outras maneiras de manter sua Conta do Google segura, como adicionar a verificação em duas etapas e usar senhas específicas do aplicativo.

Agradecemos ao usuário por ler até o fim desta página. Sabemos que este material pode ser chato, mas acreditamos que é importante. Recomendamos que o usuário consulte os Termos de Serviço do seu país para ver como os termos se aplicam de modo mais específico a ele.

http://blogs.estadao.com.br/link/google-incluira-avaliacoes-de-usuarios-em-anuncios/

Comentário (0) Hits: 2302

newsletter buton