Diferenças entre Surface Web, Deep Web e Dark Web

  • Imprimir

deep_web2.jpg25/03/2019 - Nas últimas semanas falou-se muito sobre Surface Web e Deep Web, principalmente por causa das tragédias em Suzano e na Nova Zelândia. Além disso, os assassinos frequentavam fóruns na internet antes da tragédias acontecerem.

É na Dark Web que surgiu boa parte dos sites de venda de drogas, armas, pedofilia e fóruns radicais, mas vale ressaltar que a Dark Web também é frequentada por usuários que precisam de um refúgio para debates sem censura, em países autoritários que controlam a internet.

Para entender melhor como funciona a Surface Web, Deep Web e Dark Web, entrevistamos o especialista Leonardo Dias, que respondeu a algumas perguntas, que seguem abaixo:

Como surgiu a Deep Web?

A Deep Web surgiu da necessidade de uma busca pelo anonimato na internet. Na rede, todo mundo tem um IP e usa esse IP para navegar. Isso retira a possibilidade de anonimato. Redes como o "TOR" surgiram para possibilitar esse anonimato. Por meio de um sistema similar à uma rede privada virtual (VPN), usuários navegam com IPs de outros usuários que acessam a deep web, muitas vezes em outros países. Dessa forma, tudo o que é acessado é feito por outros IPs, possibilitando o anonimato.

O termo Deep Web se refere à parte das informações que estão na internet que não são indexadas pelos buscadores da rede, como o Google. São servidores que manuseiam dados que não aparecem em buscas, por mais detalhadas que sejam. A razão para isso não é necessariamente maliciosa na maioria dos casos. O Facebook é um bom exemplo, pois boa parte de seu conteúdo é protegido por senha, portanto não é acessível pelo buscador e não é indexado. O mesmo vale para mensagens, e-mails e arquivos na nuvem.

Principais diferenças entre Deep Web e Surface Web

Deep Web, por ter essa característica de anonimato, se tornou o ambiente para troca de informações sigilosas em geral. Surface Web é a web tradicional, com os sites principais, e-commerces e serviços online que conhecemos como por exemplo Google, Wikipedia e Bing.

Um usuário comum consegue acessar a Deep Web?

Quando foi criada era bem mais complicado. Hoje existem aplicações para smartphones que conseguem utilizar esses sistemas como se fossem navegadores, bem como utilizar o sistema como uma VPN.

Existe a possibilidade de se monitorar a Deep Web?

Existe, sim. E inclusive muita gente já foi presa por crimes na Deep Web. É possível também que empresas de cartão de crédito por exemplo, realizem um monitoramento em busca de cartões roubados expostos na deep web. É possível fazer isso por meio de um rastreamento dos principais fóruns da deep web, como Reddit, da internet tradicional.

O WikiLeaks navega na Dark Web?

Qualquer site pode ser acessado por meio de navegadores dessa rede "TOR". Existem buscadores como o Google e serviços de informação similar ao WikiLeaks. No fundo, é uma cópia mal feita da web tradicional.

Como funciona o monitoramento?

É possível monitorar grupos que defendem ideologias criminosas de ódio e extremistas, links de fóruns que divulgam cartões roubados, e gerar um sistema anti-fraude baseado nisso. Além disso, é possível monitorar as mensagens em fóruns conhecidos e acompanhar mensagens sobre atividades fraudulentas, levando ao monitoramento daquelas pessoas

Mesmo sendo uma rede que oferece um anonimato, você sempre acessa com um IP. Se esse IP está num país acionável juridicamente, é possível fazer o caminho de volta desse acesso, possibilitando encontrar criminosos dessa rede. Para realizar esse rastreamento, é necessário processar dum grande volume de dados para encontrar as informações necessárias junto a empresas de telecomunicações, por exemplo. Nem todo mundo possui recursos de análise para fazer esse caminho reverso, no entanto é possível encontrar IPs com comportamento específico por meio de padrões, utilizando ferramentas modernas de busca e de inteligência artificial e encontrar os caminhos. Pode ser necessário falar com provedores de outros países para encontrar a origem final do acesso. Não é impossível e, dependendo do caminho da rede que a pessoa se encontra, ela pode ser facilmente detectada.

Empresas do ramo financeiro também podem se beneficiar do monitoramento da Deep Web para encontrar dados roubados e antecipar-se a crimes que poderiam ser cometidos com esses dados. Para tanto é necessário contar com o apoio de empresas que fazem análise de dados utilizando machine learning e outras tecnologias.

Existe a possibilidade de se monitorar a Dark Web?

É possível também monitorar grupos crimonosos, os que defendem ideologias de ódio e extremistas e obter informações da mesma maneira que foi citada acima.

*Leonardo Dias é CDO e cofundador da Semantix, empresa especializada em Big Data, Inteligência Artificial, Internet das Coisas e Análise de dados.

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado