“Aviação Verde” fortalece conceito de sustentabilidade

aviao_verde.jpgPor Ethevaldo Siqueira
A foto que ilustra esta matéria mostra o Aurora, avião-conceito da Lockheed Martin, com corpo e asa híbridos, uma das propostas da NASA para atender ao que se denomina “Aviação Verde”.

Na verdade, o mundo está cada dia mais preocupado com o consumo de combustível, as emissões de carbono e os níveis de ruído dos aviões em geral, mas, em especial, com os aviões comerciais. A propósito, os 191 países participantes da 39ª reunião da Organização da Aviação Civil Internacional, realizada no dia 6 de outubro de 2016, chegaram a um acordo climático global com o objetivo de reduzir as emissões de carbono provenientes da aviação.

A NASA trabalha, ao mesmo tempo, para criar novas aeronaves experimentais que irão demonstrar a importância e a viabildiade da “Aviação Verde”, a nova tecnologia que visa reduzir drasticamente em mais de 50 por cento o consumo de combustível, das emissões de carbono e do ruído – em especial dos aviões comerciais do país, bem como reduzir à metade os níveis de ruído perceptíveis nas proximidades de aeroportos.

Crédito da foto: Lockheed Martin Aeronautics
saiba mais aqui

 

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton