Nuvens noctilucentes sobre os polos

  • Imprimir

nuvens_noctilucentes.jpgPor Ethevaldo Siqueira
13/06/2016 - Essas nuvens são chamadas de noctilucentes, nome de origem latina que significa "noite luminosa" ou "noite que brilha" – um fenômeno raro que surge nas regiões polares a alturas que variam de 76 mil a 86 mil metros acima da superfície da Terra. A foto foi feita no dia 29 de maio de 2016, pelo astronauta Tim Peake, da ESA (Agência Espacial Europeia), a bordo da Estação Espacial Internacional.

No final da primavera e no verão, essas nuvens polares incomuns se formam na alta atmosfera e congelam o vapor dágua para formar nuvens de cristais de gelo. Quando o sol está abaixo do horizonte e o solo está na escuridão, estas nuvens altas podem ainda ser iluminado, emprestando-lhes aspectos etéreos de "noite brilhante".

Crédito: ESA/NASA

Matéria atualizada dia 13/06/2016 às 11:17

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado