Quem pintou este céu noturno sobre o Grand Canyon?

grand_canyon.jpgPor Ethevaldo Siqueira, com APOD*, da NASA
10/02/2020 - Uma das experiências mais incríveis do pôr do sol para o fotógrafo amador, autor desta foto, foi ver os picos avermelhados das montanhas brilharem no Grand Canyon.

As imagens, digitalmente combinadas com uma exposição do céu noturno — tomada pela mesma câmera e no mesmo local uma hora depois. As duas fotos superpostas foram tiradas em agosto passado do acampamento 220 Mile Canyon no rio Colorado, Arizona, EUA.

Os picos brilham com domínio do vermelho porque foram iluminados por um pôr do sol extraordinariamente rubro. Mais tarde, no alto, cheia de estrelas, nebulosas e nuvens escuras de poeira — a faixa da Via Láctea foi inclinada dramaticamente para baixo.

Saturno aparece à esquerda da Via Láctea, enquanto à direita está o Júpiter mais brilhante. Embora Júpiter e Saturno nesta época do ano sejam difíceis de ver, Vênus será visível e bastante brilhante para o oeste em céu claro, logo após o pôr do sol, pelos próximos dois meses.

*APOD (Astronomical Photo of the Day) é um website mantido pela NASA e pela Universidade Tecnológica de Michigan. De acordo com o site, "cada dia uma imagem ou foto diferente do universo é mostrada, com uma curta explicação escrita por um astrônomo profissional."

Crédito: Robert Q. Fugate

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton