Uma das mais completas visões da Huawei e de seu fundador

Por Ethevaldo Siqueira, com LA Times
11/04/2019 - A gigante chinesa se defende das acusações de espionagem feitas pelo governo dos Estados Unidos. E mostra as possíveis razões para essa guerra. Vale a pena a leitura, para se conhecer o "outro lado”.

Ren Zhengfei transformou a Huawei na maior empresa de telecomunicações do mundo e fez da China um líder global em tecnologia 5G. Washington diz que ela teve ajuda de Pequim. De acordo com o governo dos EUA, esse sucesso é inacreditável.

Ren Zhengfei transformou a Huawei na maior empresa de equipamentos de telecomunicações do mundo e um dos maiores fabricantes de smartphones

Ao entrar no novo campus da Huawei Technologies Co., perto de Shenzhen, é difícil acreditar que Ren Zhengfei, apoiado por cinco amigos, poderia ter sozinho, transformado sua pequena startup em uma gigante movida a tecnologia.

Como Ren, então com 40 anos, transformou a Huawei na maior empresa de equipamentos de telecomunicações do mundo e um dos maiores fabricantes de smartphones, com 188.000 funcionários em 170 países?

Washington gostaria que você acreditasse que a história oficial da Huawei é uma farsa - que a Huawei é efetivamente uma criação do governo chinês e que seu sucesso é baseado nos laços estreitos de Ren com unidades de inteligência dentro do Exército de Libertação do Povo. A liderança da Huawei rejeita totalmente essa hipótese.

Enquanto as origens da Huawei e sua independência estão sendo questionados, suas realizações e ambições não param de surpreender.

A Huawei assumiu a liderança no desenvolvimento da próxima geração móvel 5G, com sua promessa de saltos quânticos na conectividade. Se a fabricante chinesa mantiver e estender essa liderança, ao mesmo tempo em que avança em outras frentes, ela e, por extensão, a China, poderá ser a primeira a produzir uma nova geração de sistemas militares sensíveis, redes inteligentes, veículos de transporte autônomos e outros produtos e processos cruciais.

Saiba mais aqui:

 

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton