Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, o mais famoso

Por Ethevaldo Siqueira
10/10/2018 - Reuni estas fotos da NASA, para informar que esse imenso foguete Soyuz (primeira imagem) deslocou-se na manhã desta terça-feira, 9 de outubro, 2018, no Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, para a rampa de lançamento. Esse foguete levará em seu topo a cápsula Soyuz-MS2, com dois novos tripulantes da Estação Espacial Internacional (ISS), nesta quinta-feira, 11 de outubro. São eles: Nick Hague, da NASA, e Alexey Ovchinin, da Roscosmos, integrantes da Equipe 57, que passarão seis meses na ISS.

Foguete Soyuz deslocou-se na manhã desta terça-feira, 9 de outubro, 2018, no Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, para a rampa de lançamento / Crédito da imagem: NASA/Bill Ingalls

O maior foguete russo, o Proton-M / Crédito da imagem: NASA/Bill Ingalls

Visitei duas vezes esse Cosmódromo de Baikonur, situado no Cazaquistão, em 1978 e 1980, na época em que ele era administrado pelo antiga União Soviética. A região é uma planície semidesértica, de clima muito frio. A pequena cidade próxima à base tinha o nome de Leninsk, mudado para o atual em 1992, por Boris Yeltsin. Dessa base, subiram ao espaço a maioria esmagadora dos foguetes tripulados e não-tripulados da antiga URSS e da Rússia atual, desde o lançamento do primeiro Sputnik, em 1957, a Yuri Gagarin, o primeiro cosmonauta, em 1961.

Silhueta da rampa de lançamentos contra o fundo rubro do pôr-do-sol / Crédito da imagem: NASA/Bill Ingalls

Saiba mais aqui:

 

Deixar seu comentário

0
termos e condições.
  • Nenhum comentário encontrado

newsletter buton